Microsoft diz que 'Call of Duty' continuará disponível para PlayStation

A promessa vale para os acordos já fechados.

Microsoft diz que 'Call of Duty' continuará disponível para PlayStation

O novo CEO da Microsoft Gaming, Phil Spencer, confirmou que a série de videogames mais vendida Call of Duty continuará disponível na plataforma PlayStation.

A Microsoft anunciou planos nesta semana de adquirir a editora do jogo, Activision Blizzard, em um acordo de US$ 68,7 bilhões.

“Tive boas conversas esta semana com líderes da Sony”, twittou Spencer na tarde de quinta-feira.

“Confirmei nossa intenção de honrar todos os acordos existentes após a aquisição da Activision Blizzard e nosso desejo de manter Call of Duty no PlayStation. A Sony é uma parte importante da nossa indústria e valorizamos nosso relacionamento.”

Era improvável desde o início que a Microsoft tornasse qualquer jogo da Activision Blizzard um exclusivo do Xbox, muito menos um jogo da monstruosamente popular série Call of Duty.

Spencer tem sido explícito há mais de um ano que a Microsoft se preocupa mais com o envolvimento dos jogadores e os números de assinatura do que com as vendas de hardware ou software brutos.