Meta nega ter intenção de deixar a Europa

Foi apenas um blefe e está tudo bem.

Meta nega ter intenção de deixar a Europa

A Meta não tem “absolutamente nenhum desejo de se retirar da Europa”, afirmou um porta voz.

A empresa divulgou o comunicado depois que alguns meios de comunicação publicaram relatórios alegando que havia “ameaçado” retirar o Facebook e o Instagram do continente em meio à incerteza sobre se os EUA e a União Europeia concordariam em substituir um acordo de privacidade transatlântico descartado.

A “ameaça” que a Meta fez veio na forma de uma divulgação que a empresa fez em seuúltimo relatório de ganhos.

Publicado na semana passada, o documento dizia que a empresa “provavelmente não seria capaz de oferecer vários de nossos produtos e serviços mais significativos, incluindo Facebook e Instagram, na Europa” se os EUA e a União Europeia não ratificassem um novo acordo de transferência de dados.

Meta emitiu avisos semelhantesno passado, mas o fez sem nomear o Facebook e o Instagram especificamente.

“Queremos ver os direitos fundamentais dos usuários da UE protegidos e queremos que a internet continue a funcionar como deveria: sem atritos, em conformidade com as leis aplicáveis ​​– mas não confinada às fronteiras nacionais”, disse a empresa.