Aplicativo da Ford facilita a recarga de veículos elétricos

A Ford desenvolveu um aplicativo para celular que ajuda os proprietários de carros elétricos nos Estados Unidos a encontrar a estação mais próxima para recarregar a bateria do veículo, atualizado diariamente. A infraestrutura para o abastecimento de carros elétricos vem crescendo rapidamente naquele país e já conta com mais de 9.400 estações públicas.

O MyFord Mobile é um aplicativo desenvolvido pelos engenheiros da Ford para ser usado com o Focus Electric e os novos modelos híbridos elétricos “plug-in” que serão lançados em breve, o Fusion Energi e o C-MAX Energi. Além de localizar as estações de recarga, o programa permite controlar remotamente a operação de recarga, conferir o nível da bateria e planejar rotas de viagem.

Ele indica também a hora de funcionamento das estações e outras informações. A recarga de veículos elétricos é um serviço que está se tornando popular nos Estados Unidos, disponível em lugares como supermercados, igrejas, hospitais, lanchonetes e lojas.

“Os usuários do MyFord Mobile estarão entre os primeiros a saber do surgimento de novas estações de recarga, pois os seus dados são atualizados constantemente”, diz Mike Tinskey, gerente de Infraestrutura e Eletrificação de Veículos da Ford.

Segundo o Departamento de Energia dos Estados Unidos, o país tinha 2.500 estações públicas de recarga de veículos elétricos em 2009 e esse número hoje chega a 9.445.

Opções de escolha

Até 2013, a Ford vai triplicar a sua capacidade de produção de veículos elétricos, equipados com baterias que permitem recarga rápida em estações públicas. As décadas de pesquisas da Ford nessa área permitiram a troca das baterias de primeira geração, mais pesadas, feitas de hidreto de níquel-metal, pelas atuais de íons de lítio, mais leves e eficientes.

O Focus Electric – o carro mais econômico da categoria, com consumo equivalente de 46,77 km/l na cidade – é equipado com uma avançada bateria de íons de lítio que pode ser totalmente recarregada em quatro horas, metade do tempo do Nissan Leaf.

O C-MAX Energi, primeiro híbrido “plug-in” da Ford, que será lançado nos próximos meses com o preço mais acessível da categoria, poderá ser recarregado em 2,5 horas. Ele terá um consumo equivalente de 40,39 km/l e uma autonomia total de 885 km. Usando somente o modo elétrico, sua autonomia é três vezes maior que a do Toyota Prius, usando os métodos de teste da EPA, agência de proteção ambiental dos Estados Unidos.

Nova matriz

Com a nova linha de veículos elétricos da Ford e o rápido desenvolvimento da infraestrutura pública de recarga, é esperado um avanço significativo desse segmento. “Não consigo lembrar de outro período da nossa história tão propício para uma mudança na matriz energética do transporte”, diz Mike Tinskey.

Além das estações públicas, os proprietários de veículos elétricos e híbridos contam com a opção de fazer a recarga em casa – ainda o método mais comum, segundo o Centro de Inovação da Universidade da Califórnia. Para os clientes que preferem abastecer seu veículo elétrico em casa, a Ford oferece um carregador de 240 V projetado especialmente para os carros da marca.