2021 foi o ano de retorno do mercado de PCs

Os PCs estão vivos!

2021 foi o ano de retorno do mercado de PCs
Photo by Firos nv / Unsplash

A empresa de pesquisas Canalys estima que as remessas de PCs aumentaram 15%, estimando 341 milhões, apesar da escassez de suprimentos.

Simplificando, muitos dos clientes em 2021 estavam adicionando novos PCs em vez de substituir os existentes.

Estudantes e idosos remotos compraram seus primeiros computadores, por exemplo, enquanto vários sistemas eram "mais comuns" em algumas áreas.

Algumas marcas de PC tiveram um tempo melhor do que outras, no entanto.

Lenovo, HP, Dell, Apple e Acer mantiveram suas respectivas cinco primeiras posições em remessas, mas Apple e Acer foram as estrelas brilhantes após crescerem mais de 20% em relação a 2020.

Os líderes Lenovo e HP tiveram o crescimento mais lento em 2021, e viram suas remessas caírem no último trimestre, onde outros rivais cresceram.

E parece provável que 2022 siga o mesmo caminho. O analista principal Rushabh Doshi previu que o novo ano será de "aceleração digital", à medida que as pessoas mudam para PCs e acessórios de última geração que ajudam no trabalho remoto.

É muito cedo para dizer o quão precisa essa previsão pode ser, mas coincide com um renascimento do PC que vimos na CES – a concorrência parece mais feroz do que nunca.